O Grand Theft Auto (GTA) foi a franquia de mais sucesso lançado pela empresa Rockstar Games. Quem está por dentro dos assuntos de games a de atualidades, com certeza já ouviu falar sobre a série de jogos que prende a atenção de diversas pessoas. O game foi evoluindo e permitindo que se faça graffitis nas paredes, nadar, comprar roupas, até mesmo escolher o seu corte de cabelo. Mas porque os carros do GTA não são modelos reais? Explicaremos isso pra você agora. O game de tanto sucesso trata de cenários que envolvem crime, tráfico de drogas, traição, corrupção e violência.  Esse envolvimento já é um dos motivos para não colocarem modelos reais dentro do jogo, já games desse tipo devem ter cuidado com marcas e produtos conhecidos, para não dar a entender de jeito nenhum que essas mesmas marcas apóiam um cenário que pode ser construído com tanto caos. Exige uma precaução enorme envolver fabricantes, ainda mais de carros que são empresas grandes, dentro de situações como essas.

Cenário GTA

Carro no cenário de GTA

Outro grande motivo, aliás, o principal motivo do não uso de modelos conhecidos, é o pagamento de royalties. Pra quem não sabe, royalties é um termo que vem do inglês ”royal”, o que designa o significado de Rei. Antigamente era o termo usado para se referir ao dinheiro pago por terceiros a algum nobre ou ao Rei. Hoje em dia, o termo é usado para falar do pagamento ao proprietário de algum nome ou de algum território, quando esse algo é usado. Por exemplo, nessa situação do GTA, a empresa responsável pela franquia (a Rockstar) teria que pagar royalties às empresas proprietárias dos modelos reais dos carros, para que assim pudessem usar o nome dos modelos. É como se fosse uma espécie de acordo, para que fosse liberado o uso da reprodução do produto (no caso, os carros), e para que não houvesse posteriormente nenhum tipo de problema com diritos autorais e de propriedade. Sendo assim, se você ver algum game que use a reprodução de modelos reais de carros ou de qualquer outro produto, você saberá que há o pagamento de royalties da empresa responsável para a empresa proprietária do produto em questão.

No caso do GTA, é possível que os jogadores criem mods de carros para customizar o jogo, mas isso não é feito pela Rockstar, que produziu o jogo. Assim vários carros brasileiros e modelos importados podem ser usados no GTA sem que a Rockstar precise pagar Royalties, pois não é ela quem distribui os carros modificados. Alguns carros para GTA são bem perfeitos e há vários sites que os disponilizam, como o CarrosGTA.com.br.